Sala comercial à Venda

Comercial - Centro - Sp - 395683

Anunciado há 5 meses

270000 reais

Informação do vendedor

Venda

    Tempo vendendo no Mercado Livre

    7 anos


    Código da propriedade

    395683

Simule seu financiamento on-line

NOVO

  • Informe seus dados para simular condições sob medida para você.

  • Receber um contato do parceiro para obter o financiamento.

Trabalhamos comCrediHome

Dicas de segurança

  • A partir de Mercado Libre, não te pediremos senhas, PIN nem códigos de verificação por WhatsApp, telefone, SMS ou e-mail.

  • Verifique se o imóvel existe e desconfie caso digam que precisam vendê-lo ou alugá-lo com urgência.

  • Confira o remetente dos e-mails para ter certeza de que foi enviado por Mercado Libre.

  • Peça o máximo de informações possíveis sobre o imóvel, bem como fotos e/ou vídeos para comprovar sua veracidade.

  • Suspeite se o valor te parecer muito baixo.

  • Não use serviços de pagamento anônimo para pagar, reservar ou antecipar dinheiro antes de ter visto o imóvel.

Localização

R Ramos De Azevedo, República, São Paulo Centro, São Paulo

Características

Área útil59 m²

Descrição

Inaugurado em 1951 e localizado à Praça Ramos de Azevedo, esquina com a Rua Formosa, o Edifício CBI - Esplanada foi projetado pelo arquiteto polonês Lucjan Korngold e mantém suas características originais.
Seus 33 andares e 50 mil metros quadrados de área causaram grande impacto na paisagem do centro de São Paulo sendo, na época, considerado a maior estrutura em concreto armado do mundo. Primeiro arranha-céu construído no Vale do Anhangabaú, hoje é tombado pelo Patrimônio Histórico Municipal, portanto toda sua arquitetura externa deve ser preservada.
Suas fachadas, na época de sua construção, trouxeram inovações em sua arquitetura e ainda mantêm suas características originais em sua tipologia arquitetônica clara, nos elementos estilísticos, na ornamentação e nos materiais de acabamento.
Os halls do Edifício CBI Esplanada foram reformados recentemente procurando manter sua conservação sem abrir mão da adequação à atualidade. A tarefa foi até bem simples, considerando que os 2 halls resistiram a mais de meio século de grande circulação. A pretensão é que durem, pelo menos, outra metade de século.
Nesses quase 60 anos de história, passaram (e alguns continuam) pelo Condomínio, grupos empresariais importantes no cenário econômico do país, como a Cia Imobiliária City, o Grupo Crespi, a Anderson Clayton, o Frigorífico Swift - Armour, a Câmara Americana do Comércio, o Grupo Klabin, Sociedade Rural Brasileira e Instituto Fernando Henrique Cardoso, entre outros.2006